Orquestra de Jazz de Águeda

Inspirada na tradição do jazz, a Orquestra de Jazz de Águeda surge em 2016 e constitui-se como um laboratório para a produção de música, que funciona em diferentes temporadas. Mantendo a identidade da big band a orquestra procura dar resposta a linguagens modernas e abraçar novos desafios artísticos. Na procura de novos caminhos, constitui-se com um coletivo de músicos de relevo na área, criando uma sonoridade moderna e única, emergente no panorama nacional e internacional.



Orquestra Jazz Águeda e Miguel Calhaz

Um incrível tributo à obra de José Afonso, com arranjos dos compositor Vasco Miranda e Rodrigo Neves. Jazz em português para bigband num concerto onde a energia e a criatividade se misturam com a sensibilidade e a força emotiva das canções  de um dos maiores nomes da música em Portugal. As compositores frescas e a forma como a interpretação moderna trazem um olhar novo à obra de Zeca Afonso e oportunidade de reunir Miguel Calhaz, um dos maiores coautores da atualidade, com este elenco de músicos que dá forma à música de Zeca Afonso interpretada num ambiente de modernidade e uma linguagem sofistica, são o cartão de visita deste concerto.

Voz e contrabaixo: Miguel Calhaz
Madeiras: João Mortágua, Rodrigo Neves, Tomás Marques, Nádia Moura, Artur Lopes.
Trompete: Brian Carvalho, João Condesso, Fábio Martins, Jorge Leitão
Trombone: Samuel Barros, Gabriel Dias, Andreia Santos, João Evangelista, Rui Bandeira.
Secção Rítmica: Vasco Miranda (piano), Bruno Pinho (guitarra), Rogério Pitomba (bateria)
Direção Musical: Leonardo Pellegrim
Direção de som: Rui Oliveira

  • Índios da Meia Praia, by Zeca Afonso, arranged by Vasco Miranda
  • Balada de Outono, by Zeca Afonso, arranged by Vasco Miranda
  • Milho Verde, by Zeca Afonso, arranged by Vasco Miranda
  • Tinha uma sala mal iluminada, by Zeca Afonso by Rodrigo Neves
  • Epigrafe para a arte de furtar, by Zeca Afonso, arranged by Vasco Miranda
  • Que o Amor não me engana, by Zeca Afonso, arranged by Vasco Miranda
  • Maio maduro Maio, by Zeca Afonso, arranged by Rodrigo Neves